Somos criadores negros, que
usam a moda como veículo de
expressão!

Nosso desejo é transformar
padrões estéticos e redefinir
padrões de consumo, de forma
inclusiva e consciente, com
pluralidade de ideias, formas,
cores e linguagens.

Nossas marcas são expressões
genuínas da representatividade,
com produtos confeccionados,
levando em conta: impactos
sociais e ambientais.

Construímos e reconstruímos a
matriz afro-brasileira nas nossas
criações e com ela queremos
deixar um legado na cultura
negra criativa.
Pensamos a moda, não apenas
no contexto das passarelas e
revistas, mas também a moda de
gente comum, nas ruas da
cidade.

 

Através de roupas, pinturas,
estampas, acessórios e
penteados nos expressamos e
dizemos o que somos.
A nossa imagem reflete
identidade própria, e com ela,
construímos e desconstruímos
padrões, de uma cadeia que não
pode se sustentar pela exclusão e
pela exploração.

Assumir o protagonismo na
construção da própria identidade
negra fortalece e potencializa,
não apenas o indivíduo, mas o
movimento conjunto, onde somos
espelhos para nossos
semelhantes.

Estética também é política e
Moda é a nossa reação!”